Enquete
Qual e marca do seu smartphone
Samsung
LG
Sony
Motorola
Apple
Asus
Nokia
Xiaomi
Ver Resultados

Rating: 2.4/5 (250 votos)

ONLINE
1

 

 Visite nossas redes sociais

      

parceiro youtuber

 Rocha Tecnologia 

 Parceiros

gamesandroidhvga.net

www.stockrom.net

Facebook Motorola BR 

wathsapp MOTOROLA BR

 

  


Informação

Sistema Android

Android é um sistema operacional (SO) baseado no núcleo Linux e atualmente desenvolvido pela empresa de tecnologia Google. Com uma interface de usuário baseada na manipulação direta, o Android é projetado principalmente para dispositivos móveis com tela sensível ao toque como smartphones e tablets; com interface específica para TV (Android TV), carro (Android Auto) e relógio de pulso (Android Wear). O sistema operacional utiliza-se da tela sensível ao toque para que o usuário possa manipular objetos virtuais e também de um teclado virtual. Apesar de ser principalmente utilizado em dispositivos com tela sensível ao toque, também é utilizado em consoles de videogames, câmeras digitais, computadores e outros dispositivos eletrônicos.

O Android é o sistema operacional móvel mais utilizado do mundo, e, em 2013, possuía a maior porcentagem das vendas mundiais de SO móveis.[8] Dispositivos com o sistema Android vendem mais que eletrônicos com Windows, iOS e Mac OS X combinados, com vendas em 2012, 2013 e 2014 perto da base de computadores do mundo. Em julho de 2013, a loja de aplicativos Google Play possuía mais de 1 milhão de aplicativos disponíveis, baixados mais de 50 bilhões de vezes. Uma pesquisa com programadores entre abril e maio de 2013 revelou que 71% dos programadores para sistemas móveis desenvolviam para o Android. Na conferência anual Google I/O de 2014, a companhia revelou que existem mais de 1 bilhão de usuários Android ativos. Em junho de 2013, este número era de 538 milhões. O maior número de usuários no mundo também reflete no número de ataques de hackers no sistema, com cerca de 5.000 novos malwares sendo criados todos os dias para usuários Android.

O código do sistema operacional é disponibilizado pelo Google sob licença de código aberto, apesar de a maior parte dos dispositivos ser lançada com uma combinação de software livre e software privado. Inicialmente foi desenvolvido pela empresa Android, Inc., a qual o Google dava suporte financeiramente. Foi comprada pela mesma em 2005 e revelado em 2007 junto com a fundação da Open Handset Alliance — consórcio entre empresas de hardware, software e telecomunicações com o intuito de desenvolver a indústria de dispositivos móveis.

O Android é muito popular entre empresas de tecnologia que buscam um software pronto, de baixo custo e personalizável para dispositivos de alta tecnologia. A natureza do software de código aberto do sistema operacional tem encorajado uma grande comunidade de programadores e entusiastas a colocar uma fundação para o desenvolvimento de projetos feitos pela própria comunidade que adicionam recursos para usuários mais avançados, ou trazem o Android para dispositivos que inicialmente não foram lançados com a plataforma. O sucesso do SO fez dele um alvo para disputas de patente na chamada "guerra de smartphones" entre empresas de tecnologia.

                              IOS

 

iOS (antes chamado de iPhone OS) é um sistema operacional móvel da Apple Inc. desenvolvido originalmente para o iPhone, também é usado em iPod touch e iPad. A Apple não permite que o iOS seja executado em hardware de terceiros.

A interface do usuário do iOS é baseado no conceito de manipulação direta, utilizando gestos em multi-toque. A interação com o sistema operacional inclui gestos como apenas tocar na tela, deslizar o dedo, e o movimento de "pinça" utilizado para se ampliar ou reduzir a imagem. Acelerômetros internos são usados por alguns aplicativos para responder à agitação do aparelho (resultando comumente no comando desfazer) ou rotação do mesmo (resultando comumente na mudança do modo retrato para modo paisagem). O iOS consiste em quatro camadas de abstração: a camada Core OS, a camada Core Services, a camada mídia, e a camada Cocoa Touch.As versões principais do iOS são lançadas anualmente. Sua versão atual é a

O sistema operacional foi apresentado com o iPhone na Macworld Conference & Expo em 9 de janeiro de 2007, e lançado no mês de junho. Inicialmente, as aplicações de terceiros não eram permitidas. Steve Jobs argumentou que os desenvolvedores poderiam criar aplicativos na web que "se comportam como aplicações nativas no iPhone". Em 17 de outubro de 2007, a Apple anunciou que a SDKnativa estava em desenvolvimento e que eles esperassem para colocá-la nas "mãos dos desenvolvedores".

Em 6 de março de 2008, a Apple lançou o primeiro beta, juntamente com um novo nome para o sistema operacional: o "iPhone OS". A rápida venda de dispositivos móveis da Apple acendeu interesse no SDK. A Apple também vendeu mais de um milhão de iPhones durante uma temporada de feriados de 2007. Em 27 de janeiro de 2010, a Apple anunciou o iPad, com uma tela bem maior do que o iPhone e iPod touch, e projetado para navegar na web, consumo de mídia, e da leitura de iBooks. O nome "iOS" foi usado pela Cisco Systems. Para evitar qualquer ação judicial em potencial, a Apple licenciou o "iOS" uma marca registrada da Cisco.

Windows Phone

 

Windows Phone foi um sistema operacional para smartphones, desenvolvido pela Microsoft, que é focado no mercado consumidor, em vez do mercado empresarial.[1] Foi lançado na Europa, Austrália e Singapura no dia 21 de outubro de 2010, nos EUA e Canadá no dia 8 de novembro, no México no dia 24 do mesmo mês e, no início de 2011, na Ásia.

As principais aplicações do mercado estão disponíveis na loja de aplicativos, além de alguns aplicativos e jogos exclusivos. O sistema ainda conta com ferramentas como a Cortana, assistente de voz pessoal, a integração nativa com o Office e a sincronização com o Windows 8 em computadores.

A Microsoft parou de dar suporte ou Windows Phone 8 e 8.1 no segundo semestre de 2017 sem avisar seus usuários, estes por sua vez repararam comportamentos estranhos sem saber a causa(falta de suporte), mesmo utilizando o Windows Device Recovery Tool não foi possível recuperar diversos dispositivos.

O Windows Phone 8 e 8.1 foi substituído pelo Windows 10 Mobile.

O Windows Phone foi desenvolvido rapidamente. O gerente de produto sênior para a experiência do desenvolvedor móvel da Microsoft, disse à "eWeek": "Se tivéssemos mais tempo e recursos, poderíamos ter conseguido algo na área da retrocompatibilidade", dizendo ainda que a Microsoft estava tentando olhar para o mercado dos celulares de uma nova maneira, com o usuário final em mente, assim como a rede da empresa. Terry Myerson, vice-presidente corporativo da engenharia do Windows Phone, disse: "Com a mudança para as telas sensíveis ao toque capacitivas, longe da stylus, e as mudanças que fizemos relativamente ao hardware para o Windows Phone"